Logo PeixeseAquarismo.com

Água do aquário turva. O que fazer?

A aguá do aquário se tornar turva é um dos problemas mais comuns enfrentados pelos aquaristas. Se você tem bastante tempo no hobby, certamente já passou por isso inúmeras vezes. A água esbranquiçada ou turva, além do impacto visual, pode significar que seu aquário está com algum desequilibro, podendo até afetar a saúde do seu animal. No entanto, na maior parte dos casos, é um problema facilmente solucionável. Mas afinal, o que pode deixar a água do aquário turva?

Um aquário com água turva, geralmente apresenta excesso de material orgânico em decomposição ou desequilíbrios na colônia de bactérias (por exemplo, por ciclagem incompleta). Esses fatores causam uma proliferação descontrolada de bactérias heterotróficas e é justamente esse aumento que causa o enturvamento da água do seu aquário.

A água turva, apesar de não ser uma situação emergencial, também tem seus perigos. Essas bactérias em excesso, consomem o oxigênio do tanque, podendo asfixiar os peixes dependendo da quantidade de ar dissolvido na água. Além disso a proliferação já é um sinal de que a qualidade da água está muito longe da ideal, o que já é suficiente para causar doenças e afetar a imunidade dos seus animais.

Causas comuns de água turva no aquário

As bactérias que turvam a água do aquário, só conseguem se reproduzir descontroladamente devido ao excesso de substâncias poluentes (que são nutrientes para as bactérias) dissolvidas na água. Isso acontece por vários motivos. Alguns dos principais são:

  • Aquário não ciclado: Uma das piores decisões que um aquarista pode fazer é pular o período de ciclagem de um aquário. Por mais chato que seja não popular seu aquário no primeiro mês, os benefícios são comprovados e facilmente observáveis. Por isso, se você não ciclou seu aquário, provavelmente esse é o principal fator que gerou sua água suja. Além disso, durante o período de ciclagem é completamente normal que a água fique turva. Então, se você está ciclando seu aquário (sem peixes), não se preocupe, com o tempo a água voltará a ser cristalina.
  • Filtragem insuficiente: Todo aquário precisa de um bom filtro (existem algumas exceções em aquários densamente plantados). Se sua filtragem não for suficiente, os níveis de amônia e nitrito do seu aquário, inevitavelmente iram subir. Com o tempo, a concentração desses compostos pode ficar tão alta que turva a água, além de fazer mal a seus peixes. Uma filtragem ruim pode ter vários motivos, como: filtro de marca ruim, com pouca vazão, falta de filtragem biológica e etc.
  • Peixes e plantas em decomposição: Outra causa de poluição que pode causar o enturvamento da água, é a presença de elementos em decomposição no aquário. Excesso de plantas mortas, folhas jogadas pelo substrato, ou principalmente animais em decomposição podem incrementar muito o nível de sujeira no seu tanque. Não é raro em aquários com muito pontos de esconderijo, que alguns peixes quando morrem estejam entocados ou até mesmo que o fluxo de água os levem para esses pontos escondidos. Quando isso acontece, o peixe pode ficar se decompondo por muito tempo, sem chamar atenção do aquarista, gerando assim um desequilíbrio total nos parâmetros do seu aquário.
  • Alimentação em excesso: Um erro muito comum, principalmente para iniciantes, é alimentar demais seus peixes. Este excesso pode sujar seu aquário de pelo menos duas maneiras. Primeiro, caso existam sobras, a ração se deposita no substrato e entra em decomposição, com o tempo apodrecendo sua água, especialmente se seu aquário é pequeno. Segundo, mesmo que seus peixes tenham muito apetite e consumam toda a ração, isso pode acelerar o processo de digestão, aumentando assim a quantidade de excrementes na água e esses dejetos são alguns dos maiores contribuidores para a poluição no aquário.
  • Super população de peixes: Um aquário super lotado é um aquário sujo, isso é uma lei inegável. Os principais fatores que limitam a quantidade de peixes que você deve ter no seu aquário são a litragem e a filtragem do seu aquário. Quanto mais peixes, maior deve ser seu aquário. E quanto maior o aquário, maior necessidade de um filtro poderoso. Além disso, caso você se aproxime do limite de peixes por litros no seu aquário, é preciso ter um filtro ainda mais potente do que o normal, para compensar esse exagero.
  • Água de má qualidade inserida no aquário: Alguma vezes a fonte da onde você está coletando a água do seu aquário pode estar suja. Nesse caso, não importa quanto você cuide do seu aquário, nunca será suficiente para limpar uma água que já foi adicionada suja. Isso é muito comum em áreas sem tratamento de água ou durante uma crise hídrica.

Caso seu aquário se enquadre em algumas das situações acima, mais cedo ou mais tarde, sofrerá com problemas. A água turva é, inclusive, um dos menos graves.

Como deixar a água do seu aquário cristalina

Para acabar com a água turva do seu aquário e ter de novo uma água cristalina precisamos focar em limpar seu aquário, ou seja, zerar amônia e nitritos e estabelecer uma água de qualidade e estável.

  • Teste a á água do seu aquário: Cheque os níveis de amônia e nitrito do seu aquário antes, durante e depois do tratamento. Isso irá te dar mais entendimento e controle sobre os parâmetros do seu aquário. Lembre-se que o objetivo é zerar a concentração desses elementos.
    É possível comprar estes testes diretamente na Amazon:
    Sera Teste Amonia
    Kit de Testes Labcon Peixes Nitrito
  • Ciclagem completa do aquário: Se você está montando seu aquário agora, faça a ciclagem do aquário até o fim e sem peixes. Nesse caso, não se assuste com a água turva e continue, a medida que a ciclagem progride, a água se torna cristalina. Se você já tiver um aquário montado e com habitantes, você pode fazer a ciclagem com peixes, não é a melhor opção, mas pode ser a única se seu tanque já estiver montado.
  • Use um filtro adequado: Como dito anteriormente, escolher o filtro apropriado para seu aquário é fundamental. Por isso, escolha sempre boas marcas (não é a hora de economizar) e filtros que cubram a necessidade de filtragem mecânica, biológica e, se possível, química. Também é importante se preocupar com a vazão do filtro. Em termos gerais os filtros precisam ter um fluxo por hora de 5 a 10 vezes o volume do aquário.
    É possível adquirir um filtro diretamente na Amazon:
    Filtro Externo 60L E H 110V Maxxi Power
  • Mantenha aquário limpo: Capriche na limpeza do seu aquário. Faça uma TPA de 50% e depois mantenha as TPAs normais de 15% a 25% toda semana. Remova diariamente qualquer acumulo de sujeira visível no aquário (restos de plantas, peixes mortos…). Cheque os pontos mais escondidos do aquário, para garantir que nenhum animal morto em decomposição está apodrecendo a água. Além disso, faça a manutenção do seu filtro regularmente.
  • Não alimente em excesso: Não alimente seu peixe em excesso. Nunca. Se está sobrando comida no aquário, definitivamente você está super alimentando seus animais. Além disso, prefira dividir a alimentação em mais de um horário. É preferível dar pequenas quantidades de comida de duas a três vezes por dia, do que muita comida, apenas uma vez.
  • Adeque a fauna do seu aquário a sua litragem: Não existe uma regra perfeita para medir quantos peixes devem ser colocados em um aquário, vai muito do bom senso e experiência da pessoa. Mas existe uma regra que aquaristas costumam usar como um guia nessas horas.
    A regra dos cm: A regra diz a quantidade de água necessária de acordo com o comprimento do peixe:
    Peixes de 2-5 cm -> 1,5 L/cm
    Peixes de 6-9 cm -> 2 L/cm
    Peixes de 10-13 cm -> 3 L/cm
    Peixes de 14 ou mais cm -> 4 L/cm
  • Teste a água da sua casa: Os mesmos testes de amônia e nitrito que são feitos no aquário, podem ser feitos na água da sua casa (remova o cloro antes), assim você consegue saber se essa é a origem da poluição do seu aquário. Caso seja, pode ser necessário conseguir outra fonte, ou usar um deionizador para produzir água verdadeiramente pura.

Vale a pena usar produtos que prometem deixar a água cristalina?

Existem produtos que prometem deixar a água cristalina do dia para a noite, ou até mesmo em algumas horas. Embora seja possível que eles funcionem a curto prazo, eles não tratam a causa, apenas o sintoma. Então, o problema retornará caso você não cuide da água do seu aquário como mencionado acima. Além disso, dependendo da substância usada, esses produtos podem até prejudicar a biologia do seu aquário.

Causas alternativas para enturvamento da água

Outras causas como, substrato novo, remédios e movimentação extrema do substrato podem causar temporariamente uma água turva devido a partículas suspensas na água. No geral, esse tipo de enturvamento some sozinho em até 24 horas, caso você tenha um sistema de filtragem mecânica eficiente. No caso específico de remédios e outros químicos, cheque na bula ou embalagem, por quanto tempo eles afetam a visibilidade da água.

Cansado de perder peixes? De ter seu aquário dominado por algas? Quer saber como virar um profissional na arte do aquarismo? O Curso de Aquarismo Completo Aquaon tem tudo que é preciso para montar e manter um aquário de dar inveja. Ainda é oferecida uma garantia de 7 dias para devolução, caso não fique satisefeito.

Curso de Aquarismo AquaOn

Publicado em 17 jun, 2020

Autor: Rodrigo Matos é aquarista a mais de 20 anos, com dezenas de aquários montados a longo dessas duas décadas. Sua especialidade são aquários plantados, porém têm experiência com aquários marinhos, ciclideos, criação de neocaridinas, bettas, nanos, dentre outros. Atualmente está focado na criação de neocaridinas e em aquários densamente plantados.

Categorias:

Mais sobre Água Doce >

Aquário Ácido

ÚLTIMOS ARTIGOS >

Betta Amarelo
Como deixar o peixe betta feliz
Peixe Betta
piranhas
Peixes Carnívoros de Aquário: Piranhas e outras espécies predadoras
Peixes de Água Doce
Como alimentar seus peixes durante viagens
Quanto tempo os peixes podem ficar sem comer?
Iniciante
Peixe se esfregando
Peixe se esfregando na decoração e nas pedras. O que fazer?
Doenças de peixes
Betta no fundo do aquário
Peixe Betta parado ou deitado no fundo do aquário
Peixe Betta
Aquário Ácido