Logo PeixeseAquarismo.com

Peixe Plati/Platy: Guia com cuidados, fatos e características da espécie

Deseja ter um peixe colorido, ativo e nem um pouco tímido? O platy pode ser a escolha para você. É uma espécie muito resistente e interessante de assistir, portanto se torna uma ótima opção para iniciantes, que desejam popular seus aquários com peixes que chamam a atenção, sem necessitar muita manutenção.

No entanto, não é um peixe adequado apenas para iniciantes, já que é uma das mais populares espécies de peixes viviparos e são muito usados por criadores experientes. Devido a sua facilidade de reprodução, possibilita vários espécies de cruzamentos com cores diferentes e até mesmo com espécies diferentes.

Tópicos sobre o Platy:

Ficha do Peixe Plati

Nome científicoXiphophorus maculatus / Xiphophorus variatus
Nomes comumPlaty, Plati
Nível de dificuldadeFácil
TemperamentoPacífico
Temperatura18°C – 28°C
Expectativa de vida3 a 5 anos
pH7,0 – 8,0
Tamanho6 cm
AlimentaçãoOmnívoro
Curso Aquarismo de Água Doce
Curso On-line Completo de Aquarismo

A espécie Plati / Platy

Um das espécies de peixe vivíparos mais populares, o Platy tem sua origem na américa central, principalmente na região do México e Honduras. Entretanto, quando falamos da espécies Platy, geralmente estamos nos referindo a duas espécies do gênero Xiphophorus, que são: Xiphophorus maculatus e Xiphophorus variatus.

As espécies conseguem procriar entre si, dessa maneira, hoje em dia é até difícil distinguir entre as duas, já que se cruzaram muitas e muitas vezes no hobby do aquarismo. Esse excesso de misturas também acabou gerando uma infinidade de cores e características diferentes nos platys, o que acaba sendo um dos grandes charmes da espécie.

Diferenciar entre macho e fêmea

A diferenciação entre macho e fêmea é muito fácil na espécie, e se torna importante na hora de escolher a população do seu aquário. Ainda mais, se houver a intenção de reproduzir os peixes.

O macho da espécie é mais magro e possui a cauda anal, debaixo do corpo, modificada em gonopódio. Enquanto as fêmeas são mais rechonchudas e possuem cauda anal em formato de leque.

Diferença macho e fêmea no platy
Platy Macho (em cima), Platy Fêmea (em baixo)
Guia Definitivo do Betta
Guia Definitivo do Betta

Comportamento Típico

É uma espécie extremamente pacífica e ativa, portanto é muito apropriada para aquários comunitários. Apesar de não ser definido como um peixe de cardume, eles costumam se sentir melhor em aquários com outros peixes da sua espécie. Por ser um peixe pequeno, vale a pena adquirir alguns exemplares para colorir e alegrar seu aquário.

São extremamente propensos a reprodução, tanto que podem até cansar as fêmeas devido a insistência para procriar. Dessa maneira, é recomendado respeitar a proporção de um macho para cada duas fêmeas. Assim, elas terão tempo de descansar e dividir a atenção dos machos.

Aparência do Plati

Como dito anteriormente é uma espécie pequena, mas que possui uma abundância de variações interessantes. Muitas cores diferentes, frutos dos diversos cruzamentos entre variantes e espécies, possibilitando colorações como preto, azul, dourado, vermelho, verde e marrom. Além disso também é possível ter muitas cores misturadas gerando gradações de cores por todo o corpo do animal.

Tendo todas essas variações, muitos padrões diferentes foram surgindo com o tempo, possibilitando Platys com manchas em formatos super interessantes, ou com cominações de cores improváveis e impressionantes.

Platy

Condições Ideais para um Aquário de Plati

Assim como com qualquer outro peixe, o Platy precisa de cuidados com seu ambiente para viver bem e saudável. Eles precisam de um aquário grande o suficiente, com uma filtragem adequada e na temperatura correta. Isso é o mínimo que você pode oferecer para o seu peixe, e o criar em um aquário sem essas condições, acaba sendo uma crueldade com o animal.

Então, não se esqueça de comprar um filtro de qualidade e bem dimensionado para seu aquário, geralmente o recomendado é ter um filtro com a vazão de 5 a 10 vezes a quantidade de litros do aquário. Deve-se também, sempre fazer a manutenção do filtro, afim de o manter limpo e na sua capacidade máxima.

Além disso, é preciso manter a temperatura do aquário na faixa aceitável para o peixe e quanto menos a temperatura variar melhor. Por isso, a maneira mais eficiente de conseguir isso é usando um aquecedor com termostato, que será acionado toda a vez que a temperatura descer além do desejado.

Quanto ao tamanho, os platys são um peixe pequeno e deve se usar a regra do porte para calcular quantos peixes da espécies você deve manter no seu aquário. De uma forma geral, no caso dos platys você deve ter por volta de 1,5 litros por cm de peixes. Ou seja, dois peixes de 5 cm vão precisar de, mais ou menos, 75 litros.

Tamanho de Aquário para Plati

Um ponto importante sobre o tamanho do aquário, no caso dos Platys, é que deve se observar bastante se eles estão se procriando. Devido a sua grande capacidade de se reproduzir, um aquário com alguns Platys pode rapidamente se tornar superlotado, portanto se seus peixes estiverem se reproduzindo rapidamente, é preciso ter um plano para os novos animais. Seja comprar um novo aquário, ou dar um destino diferente para os alevinos, deve se evitar a todo custo superlotar o aquário dos seus animais.

Alimentação para Plati

Platis são peixes omnivoros e portanto se alimentam de praticamente tudo que você colocar no aquário, no entanto, é sempre importante os oferecer uma alimentação de qualidade. Então, de preferência a rações de marcas famosas pela qualidade. Além disso, é sempre importante variar a alimentação e no caso dos platis, oferecer rações a base de vegetais com frequência. Outro fator que influencia muito positivamente o seu peixe, é ofercer periódicamente alimentos vivos, como artêmias, já que isso contribuirá tanto para sua nutrição, quanto para o bestar emocional do peixe.

Companheiros para Plati

Como é uma espécie pacífica, não costuma demonstrar nenhuma agressividade com outros peixes. A única exceção é quando estão para se reproduzir, e não há fêmeas em proporção suficiente para todos os machos, nesse caso podem ocorrer disputas pontuais. Portanto, sempre procure ter uma proporção de duas fêmeas para cada macho da espécie.

No caso de outras espécies, são adequados peixes que não sejam grandes o suficiente para comer o Plati, além disso, evitar peixes muito agressivos, que possam atacar o animal. Mas no geral, espécie se dá bem com a maioria das espécies, sendo possíveis de manter até com bettas.

Espécies muito comuns de se manter junto com platis são guppies, molinésias e espadas, mas vale lembrar que todos esses peixes se reproduzem com extrema facilidade. Então, muito cuidado com a superlotação no aquário.

Cansado de perder peixes? De ter seu aquário dominado por algas? Quer saber como virar um profissional na arte do aquarismo? O Curso de Aquarismo Completo Aquaon tem tudo que é preciso para montar e manter um aquário de dar inveja. Ainda é oferecida uma garantia de 7 dias para devolução, caso não fique satisefeito.

Curso de Aquarismo AquaOn

Publicado em 12 Maio, 2021

Autor: Rodrigo Matos é aquarista a mais de 20 anos, com dezenas de aquários montados a longo dessas duas décadas. Sua especialidade são aquários plantados, porém têm experiência com aquários marinhos, ciclideos, criação de neocaridinas, bettas, nanos, dentre outros. Atualmente está focado na criação de neocaridinas e em aquários densamente plantados.

Categorias:

Mais sobre Peixes de Água Doce >

Peixes em Aquário

ÚLTIMOS ARTIGOS >

Peixes em Aquário